8 de jun de 2017

Cartas a um jovem poeta

[Repostando]

Worpswede, Bremen, 16 de julho de 1903.


"Se se prender à natureza, ao que nela existe de simples e pequeno, àquilo que quase ninguém observa e que, de repente, se metamorfoseia no infinitamente grande, no incomensurável, - se estender o seu amor a tudo que vive - se humildemente tentar ganhar a confiança do que lhe parece mesquinho - então tudo lhe será mais fácil, tudo lhe parecerá mais harmonioso e, por assim dizer, mais repousante. A sua inteligência, espantada, ficará talvez na retaguarda, mas a sua consciência mais profunda despertará e compreenderá. É tão jovem, tão inexperiente ainda diante das coisas, que desejaria pedir-lhe, o melhor que soubesse, uma grande paciência para tudo o que ainda não estiver decidido no seu coração. Esforce-se por amar as suas próprias dúvidas, como se cada uma delas fosse um quarto fechado, um livro escrito em idioma estrangeiro. Não procure respostas que não lhe podem ser dadas, porque não saberia ainda colocá-las em prática e vivê-las. E trata-se, precisamente, de viver tudo [...]."

Rainer Maria Rilke

7 de jun de 2017

Desenho: Slytherin girl

Olá. Eu fiz esse desenho, há algumas semanas, para uma colega que curte Harry Potter. Ela me descreveu como queria o desenho e eu coloquei a ideia no papel. Tive que pesquisar sobre o universo HP, pois não sabia o que era relíquias da morte, giratempo etc. Assisti a alguns filmes e achei bem legal, mas nunca terminei (tenho um problema para acompanhar histórias muito longas...) .

Em relação ao desenho, gostei da janela, das flores e dos tijolos (parece que a janela está torta, mas é só na foto). Feito com aquarela e caneta preta.



Sentido para a vida